topo

Postado em 07 de Novembro às 10h57

8 Dicas para Vender na Black Friday

A cada ano, a Black Friday ganha mais e mais consumidores no Brasil. Prova disso é que já é uma das três datas comerciais mais importantes do ano, com uma previsão de vendas de R$ 13 bilhões para a próxima edição.

E como sair na frente na Black Friday desse ano?
Separamos 8 dicas para você participar melhor deste pico de vendas e trazer mais clientes para a sua loja!

Pense suas ações com antecedência
Antecipar-se às datas do calendário promocional é aumentar as chances de obter sucesso. Prepare sua campanha de marketing, a sua equipe de vendas e principalmente deixe seu estoque organizado para esse pico de vendas.

Com tudo bem pensado, a Black Friday é uma boa oportunidade para fazer novos clientes e buscar a sua fidelização através de sua satisfação.

Aproveite inclusive, para salvar os dados dos clientes para a próxima edição da Black Friday com um bom sistema de gestão para se destacar com o cliente em outras datas, enviando lembretes e promoções durante o ano na loja.

Crie promoções realmente vantajosas
O consumidor vê a Black Friday como um dia para aproveitar produtos em promoção, com descontos que realmente valham a pena, portanto, não frustre suas expectativas.

Escolha bem o que anunciar e, mais uma vez, busque a sua satisfação total do cliente, pois além da data ser especial para vendas, a Black Friday é uma ótima para fazer “bonito” com cliente, para o mesmo voltar o ano todo.

Lembrando também que às vezes, um bom desconto em um produto que está demorando a sair é melhor do que deixá-lo parado na loja, não é mesmo?

Dê preferência para o seu Cliente fiel
Consulte seu sistema de gestão e verifique os clientes que são mais frequentes no seu estabelecimento.

Envie um convite e dê um desconto especial e exclusivo para eles! Dessa forma eles irão se sentir valorizados, não só na Black Friday, mas também como citamos acima, durante o ano todo.

Promova produtos com apelo de venda
A efetivação de uma venda requer que o produto atenda a duas condições básicas do consumidor, necessidade ou desejo de consumo versus preço.

Repense o seus produtos, pois colocar um bom preço em um produto que ninguém vai comprar. Assim como também não adianta um bom produto com preço igual ao do mercado.

É necessário que o produto tenha os dois apelos: desejo de consumo ou necessidade e preço.

Esteja nas das redes sociais
Anuncie a sua Black Friday, por exemplo, nas redes sociais. Exemplifique produtos com os apelos que falamos acima. Além de lembrar o evento, você estará reforçando a sua marca e, quem sabe, fazendo novos clientes.

Outro ponto importante é lembrar de assegurar a estabilidade e o desempenho do seu site para um aumento no número de acessos durante o período, além das compras online.

Mantenha o seu e-commerce estável!

Use a criatividade e improvise
Sabe aquelas mercadorias que estão custando a sair ou que não têm um bom giro isoladamente?

Junte-as com outros produtos que vendem melhor, ou que sejam complementares, e crie kits especiais. O acréscimo de uma embalagem para definir o kit pode resultar em algo atrativo;

Crie alternativas de pagamento
Facilite as condições de aquisição. Ofereça meios de pagamento e condições de parcelamento diferenciadas. O importante é não perder o negócio. E a flexibilidade nesta hora é uma boa estratégia para fazer e preservar clientes.

Faça da Black Friday um dia especial
Campanha de marketing na rua, equipe e estrutura preparadas para receber. Até aí, nada de diferente da concorrência, certo?
Para tanto, lembre-se destas antigas máximas e que não trazem erros.

  • Abra mais cedo e saia na frente;
  • Feche mais tarde e amplie o atendimento;
  • Pense na demonstração de produtos;
  • Diferencie-se e crie um ambiente especial na loja.

Porém desta forma, não tem como ter outro resultado, a não ser o sucesso em vendas! Aproveite!

Veja também

5 Dicas para melhorar a experiência do consumidor em seu Site02/12 O lojista que ainda não se deu conta que, a cada dia, mais e mais consumidores compram via internet, das duas, uma: - ainda não possui um e-commerce; - até tem um site, mas o mesmo está desatualizado, sem ter a possibilidade de comercializar de forma eletrônica. Confira a seguir, algumas ideias de como melhorar a experiência de seus clientes na web, ajudando......
4 dicas para tornar sua loja aconchegante01/10 O visual da loja é algo que também mexe com os sentidos do cliente, e com isso pode ser muito explorado pelos lojistas em tornar sua loja aconchegante. Sendo assim, o cliente vê a loja sob uma ótica racional, mas a percebe, navega e......
O Consumidor de Móveis e seu Comportamento21/08 A venda de móveis é uma tarefa que requer estar sempre atento às tendências, bem como conhecer seu público consumidor de móveis e seu comportamento, extremamente exigente. E em uma fase econômica turbulenta......

Voltar para Blog